17 de junho de 2013

Uma alvorada, rodas de conversa e apresentações marcarão as comemorações do Dia Nacional do Tambor de Crioula, 18

Reações: 
Uma alvorada, nesta terça-feira (18), com a apresentação simultânea de grupos de Tambor de Crioula no Centro da cidade vai marcar as comemorações do Dia Nacional do Tambor de Crioula. A programação especial tem início às 07 horas, nas Praças Deodoro e do Panteon, quando os grupos de Tambor de Crioula Arte Nossa, Lírio de São Benedito, Juventude de São Benedito e Tambor de Crioula de Mestre Amaral despertarão a cidade com a batida dos tambores e a dança das coreiras.

À tarde, no auditório Rosa Mochel, do Centro de Cultura Popular Domingos Vieira Filho, em solenidade que reunirá representantes de grupos de Tambor de Crioula, será lançado o projeto Salvaguarda do Tambor de Crioula pela Secma, que será executado com recursos do Iphan, e é parte do Plano de Salvaguarda do Tambor de Crioula elaborado pelo Comitê Gestor da Salvaguarda desse bem registrado.

Dando prosseguimento à programação comemorativa, à noite, a partir das 18 horas, acontecerão rodas de Tambor de Crioula no Arraial da Praça Maria Aragão, com os grupos 30 de outubro e Raízes da Ilha. O mestre Gonçalo Bispo estará coordenando a mesa. Também serão apresentados vídeos sobre a manifestação.

Já às 19 horas, na Praça Valdelino Cécio, na Praia Grande, os grupos Padroeiro Poderoso, Prazer de São Benedito, Tijupá, Arte Nossa, Alto de São Benedito, Pai Velho, Taim e Santa Rita farão brincadas comemorando o dia em que o Tambor de Crioula se tornou o primeiro bem cultural do Maranhão registrado como Patrimônio Cultural brasileiro.

Para o coordenador geral do Comitê Gestor, Neto de Azile, “o dia 18 representa um marco na história do Tambor de Crioula pelo reconhecimento da sociedade brasileira à contribuição do povo negro para a cultura nacional”. A programação foi proposta pelo Comitê Gestor da Salvaguarda do Tambor de Crioula, com o apoio da Fundação Municipal de Cultura de São Luís (Func), da Superintendência do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional no Maranhão (Iphan/MA) e da Secretaria de Estado da Cultura (Secma).

Fonte: Func - São Luís/ MA

Nenhum comentário: